Ultimas Notícias

Correr pode causar desgates no quadril?

Apesar do senso comum achar que sim, não há uma relação causal direta.

O quadril é uma articulação projetada para sustentar nosso peso e aguentar cargas, e para isso conta com uma poderosa arquitetura óssea, muscular, ligamentar e cartilaginosa.

Porém é necessário que essas estruturas sejam sempre preparadas, e por isso é essencial que o corredor faça fortalecimento, alongamento e não tenha sobrepeso/obesidade.

Além da obesidade há outros fatores que podem predispor para artrose, como lesão labral, impacto femoroacetabular, sequela de fratura e excesso de treino sem o descanso preconizado.

Na corrida há um aumento da carga no quadril, podendo chegar de 4 a 8x o peso corporal a depender da intensidade, velocidade, distância. Portanto: Tomando-se os devidos cuidados com o peso e realizando um preparo muscular adequado não há relação direta entre corrida e artrose do quadril na literatura.

Por outro lado a literatura médica é ampla ao correlacionar sedentarismo com diversos problemas de saúde.

Portanto não tenha medo de correr por um suposto risco articular, tenha mais medo de ficar parado!
Procure seu médico, faça uma avaliação, procure um educador fisico, monte uma planilha, vista seu tênis e divirta-se!

_______________

Nenhum comentário