Ultimas Notícias

Alongamento e relaxamento muscular

Alongamento – o que acontece quando nos alongamos?

Alongamento – Segundo a Associação Americana de Medicina Desportiva, os exercícios de alongamento geram o relaxamento muscular, aliviando as dores causadas pelo estresse muscular do treinamento e aumenta a sensação de bem-estar físico. Os estudiosos ainda não comprovaram que o alongamento muscular pode ser usado para prevenção de lesões, porém o aumento da flexibilidade muscular auxilia na amplitude de movimento, economia de energia muscular, melhora suprimento sanguíneo, protege os músculos contra alongamentos repentinos durante a atividade e ajuda a aquecer a musculatura preparando-a para a prática esportiva.

Antes ou depois do treino?

O alongamento deve ser feito como uma modalidade de treino. Escolha alguns dias da semana para trabalhar a flexibilidade em treinos específicos com alongamento. Lembre-se: antes e depois de uma atividade física faça um aquecimento.
Quando você alonga, está provocando o estiramento muscular que promove o aumento de sarcômeros (partes de fibra muscular responsáveis pela contração) em série, ou seja, uma ao lado da outra, o que deixa o músculo mais comprido e com mais potencial de contração. Assim você garante flexibilidade dos músculos e das articulações e protege o corpo de possíveis lesões quando for praticar qualquer atividade.

Assim, como antes, depois do treino é importante realizar movimentos amplos e diversos que promoverão um relaxamento de possíveis tensões musculares e o início do desaquecimento do corpo. Neste ponto uma caminhada leve é bastante útil, pois reduz gradualmente a atividade de sistema cardiorrespiratório.
Outro grande benefício do alongamento para a rotina fitness é conhecer os limites do seu corpo.

Quais as vantagens do alongamento e os perigos de não realizá-lo?

VANTAGENS
Auxilia em uma respiração adequada aumentando a oxigenação do sangue
Diminui as tensões
Reduz o risco de lesões
Facilita a execução de
movimentos no dia a dia
Aumenta a autoestima
Diminui dores musculares
Auxilia na reabilitação de problemas estruturais
Melhora o funcionamento de todos os órgãos vitais
Aumenta a capacidade de concentração
Ativa a circulação sanguínea
Tranquiliza e relaxa
Auxilia no bomposicionamento
da coluna vertebral
Combate o estresse
Melhora a qualidade de vida

PERIGOS
Desvios Posturais
Musculatura encurtada
Maior dificuldade circulatória
Dificuldade na execução
de movimentos
Aumento no risco de lesões
____________________
Escrito por Thiago Luis Domingues Pereira, graduado em Fisioterapia pelaUniversidade Barão de Mauá; pós-graduado em Fisiologia do Exercício aplicado ao Treinamento Físico pela UFSCar; possui especialização em Bandas Neuromusculares e atualmente cursa Osteopatia Estrutural.

Matéria extraída da Revista Correr

Nenhum comentário